Melhor método de inspecionar peças ferromagnéticas

Não é segredo para ninguém como as manutenções e vistorias são atividades recorrentes nos ambientes industriais. Isto porque é fundamental que todas as peças e estruturas presentes nesses ambientes sejam analisadas de forma cautelosa para que haja uma maior segurança no local.

Por este motivo, hoje resolvemos falar um pouco mais sobre um método muito eficiente que é largamente utilizado nas peças ferromagnéticas para a identificação de possíveis descontinuidades em sua estrutura: o ensaio de partícula magnética.

Esse ensaio consiste em submeter uma peça, ou parte dela, a um campo magnético mostrando as descontinuidades existentes em sua superfície, seja por uma ação em específico ou em virtude do seu tempo de uso.

O processo de ensaio é rápido e simples em sua aplicação, sendo um método não destrutivo que faz toda a diferença nos ambientes onde é aplicado por oferecer resultados bastante precisos sobre as condições das superfícies estudadas.

Essas partículas magnéticas nada mais são do que pó de ferro ou óxido de ferro, que podem ser tanto visíveis quanto fluorescentes quando manipuladas nas peças ferromagnéticas.

Além disso, esse método possui três tipos diferentes, sendo eles o método seco visível, o método úmido visível e o método úmido fluorescente, que podem oferecer grandes resultados sobre as descontinuidades presentes nas superfícies das peças estudadas.

Para finalizar, podemos destacar que esse método é viável para a automatização e a inspeção de produção de alto volume, além de ser muito mais barato e eficiente do que outros métodos de controle de qualidade, sendo um dos mais empregados quando o assunto é a inspeção de descontinuidades em peças ferromagnéticas.

Postagem criada em: 22/04/2022 - 16:49


Sobre a categoria dessa página Soluções: Conheça um pouco mais sobre as soluções oferecidas por empresas de diversos segmentos, qualidade no atendimento e na prestação do serviços.