Um dos equipamentos que mais apresenta risco: 

As caldeiras são amplamente utilizadas na indústria atuando no aquecimento dos mais diversos fluidos e substâncias para o uso. As caldeiras, apesar de atuarem apenas no aquecimento dos líquidos e fluídos, são responsáveis por fornecer o vapor necessário ou garantir que as substâncias atinjam a temperatura ideal para o seu uso.

E, justamente por serem equipamentos que trabalham com altas temperaturas, estas caldeiras podem apresentam muito risco aos operadores e, por isso, devem estar sempre em plenas condições de uso para que não tragam danos à saúde e integridade física dos operadores, seja durante o aquecimento dos fluidos ou, até mesmo, na emissão dos vapores.

Dessa maneira, é fundamental investir na inspeção de caldeiras para garantir a segurança e a qualidade de trabalho aos operadores que desenvolvem suas atividades em conjunto desses equipamentos. E, vale destacar que essa inspeção é prevista na norma regulamentadora NR-13 que trata exclusivamente das cadeiras e vasos de pressão.

É importante que essas inspeções aconteçam de maneira periódica a fim de assegurar a sua plenitude e segurança. Os períodos podem ser entre doze meses para caldeiras de categoria A e B e quinze meses para caldeiras de recuperação de álcalis, no caso das indústrias que possuem o SPIE, esse período é de 24 meses para caldeiras de recuperação de álcalis e caldeiras de categoria B e 30 meses para caldeiras de categoria A.

Por fim, contar com uma boa empresa de inspeção, cujos profissionais tenham amplo conhecimento e técnica para executar os processos necessários, pode ser o grande diferencial  para que você não sofra multas e mantenha seus equipamentos em plenas condições de uso.

Postagem criada em: 06/12/2021 - 10:41


Sobre a categoria dessa página Engenharia: Bem vindo ao At 24 horas, nosso objetivo consiste em oferecer o melhor conteúdo sobre diversos temas, saiba mais sobre empresas de Engenharia.